quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Forest Legends #17 - Garry Birtles


Com a parada dos campeonatos, o Forest Legends está de volta! E dessa vez irá falar de mais um super jogador que esteve nas melhores campanhas da história do Forest e com uma história de vida no mínimo curiosa. Conheçam a carreira de Garry Birtles.

Garry Birtles nasceu dia 27 de Julho de 1956 na cidade de Nottingham, porém seu início é um pouco diferente do trivial. Aos 18 anos, Birtles jogava em uma equipe amadora chamada Long Eaton Rovers e foi observado pelo mito Brian Clough que o mandou trazer para o Forest em 1976, já aos 20 anos de idade e sem nenhuma base de futebol profissional no currículo por uma barganha de 2 mil libras. O mais interessante é que Birtles além de jogar na várzea em um time obscuro, também trabalhava no clube como instalador de carpetes por 60 libras semanais. Ou seja, Birtles realmente veio do nada.

No Forest ele assumiu a posição de atacante e fez sua estreia um ano depois, em 1977 quando o Forest disputava a segunda divisão da Inglaterra. Ele fez seu gol de estreia contra o Hull City e participou da campanha que fez o Nottingham Forest ascender rumo a primeira divisão em 1978. Porém a vida aplicaria outro golpe a Birtles, pois após esse gol ele simplesmente não ganhou mais chances na equipe titular e ficou quase uma temporada sem jogar em 1978-1979.

Mas para quem saiu de um clube amador na Inglaterra e trabalhava com carpetes, Birtles não desistiu da chance dada por Brian Clough e seguiu trabalhando. No fim da temporada 1978-1979 o Forest se sagrava campeão Inglês da primeira divisão e chegou na final da Copa da Liga Inglesa contra o Southampton. Devido ao alto número de lesões, Birtles voltou a ganhar uma chance justamente no jogo da final contra os Saints. E mais uma vez a oportunidade bateu na porta de Garry, que aproveitou novamente: Marcou 2 importantíssimos gols na vitória de 3x2 sobre o Southampton e ajudou o Forest a ganhar mais um título.


Com a moral mais elevada, Birtles voltou a ganhar chances no time e ainda de quebra participou das 2 temporadas seguintes na qual o Nottingham Forest se sagrou bi campeão europeu ao bater o Malmo e o Hamburgo. No total foram 4 anos de clube com 82 aparições e 32 gols. Após vencer a Champions League, Birtles foi negociado com o Manchester United por £1.25 milhões de libras, dando um lucro absurdo ao Forest visto que ele chegou por apenas 2 mil libras.


No United ele teve menos chances e também menos destaque. Ficou por 2 temporadas e anotou 11 gols em 58 partidas. Ainda assim conseguiu uma convocação e jogou pela Inglaterra na Euro de 1980. Acabou sendo emprestado e voltando para o Nottingham Forest em 1982, onde ficou por mais 4 temporadas, dessa vez sem títulos, porém com 111 jogos e mais 32 gols anotados. Em 1987, Birtles já em declínio técnico começou a perder espaço para a jovem estrela e filho do técnico Brian Clough, Nigel e acabou sendo liberado antes do término do contrato para acertar com outra equipe.


Ainda jogou 1 temporada nos vizinhos do Notts County e encerrou sua carreira em 1991 jogando por 2 temporadas no Grimsby Town. Após sua carreira de reviravoltas, escreveu um livro, lançado em 2010 que conta sua história de vida: "Meu mágico passeio de carpete" é o seu nome, referência ao seu emprego antes de ser jogador de futebol.





Comente com o Facebook: