sábado, 28 de abril de 2018

Tomlin perde pênalti e Nottingham Forest empata sem gols com Bristol City


Em um dia repleto de novidades no time, o Nottingham Forest ficou no empate por 0x0 com o Bristol City na penúltima rodada da Championship - a última dentro de casa da temporada. Karanka manteve Kapino no gol e resolveu dar chances a Murphy e Bouchalakis no time. O volante grego não participava de um jogo desde a partida contra o Hull City no início do ano.

Porém a maior surpresa mesmo foi a presença de Chris Cohen no banco. O meia que nem era esperado mais jogar com a camisa do Forest foi presenteado com uma convocação para praticamente se despedir da torcida, já que deverá anunciar aposentadoria devido a lesões.

O jogo em si foi bastante movimentado com chances aos dois lados. Tomlin e Lolley estavam bastante afim de jogo e as melhores chances do time vinham de seus pés. Bouchalakis quase fez um belo gol de fora da área ao pegar de primeira e a bola triscar a trave. O Bristol, apesar de precisar somente da vitória para se manter vivo matematicamente para os playoffs, já parecia muito entregue desde o início.

No segundo tempo, Osborn recebeu bom cruzamento na lateral de Bouchalakis e dividiu com o goleiro, que chegou atrasado e cometeu pênalti. Na cobrança, Tomlin bateu do lado direito, mas Fielding defendeu. Após a defesa, o jogo deu uma esfriada e nada mais aconteceu de relevante. Quando o jogo se aproximava nos acréscimos, Cohen teve a chance de entrar no lugar de Tomlin para praticamente se despedir do futebol e ser aplaudido de pé pela torcida no City Ground.

O Nottingham Forest chegou a 53 pontos e se manteve no 17º lugar. Na última rodada, enfrenta o ameaçadíssimo Bolton fora de casa, que entrou na zona de rebaixamento na última rodada e precisará vencer e contar com o tropeço de Barnsley ou Burton para se salvar.

Palavra do técnico:

- Eu estou satisfeito. Jogamos por nada mas sabíamos que era a despedida de nossa casa e queríamos terminar da melhor forma. Não sei quantas chances criamos e ainda tivemos o pênalti. Eu dei oportunidades a diferentes jogadores e a postura deles foram maravilhosas. Estou realmente satisfeito do jeito que terminamos a temporada.

- Foi um bom primeiro tempo e no segundo tempo após o pênalti o jogo esfriou, mas mesmo assim estou satisfeito. Não é fácil, especialmente por jogadores como o Bouchalakis que não vinha jogando. Os jogadores que não estavam participando aproveitaram a chance e eu agora tenho muitas decisões pra tomar.

- Sobre o Cohen, foi importante sua volta. Eu sei o quanto ele é importante aqui e a torcida o adora. Eu perguntei a ele se ele queria jogar, eu sei pois eu fui jogador. A melhor maneira de se despedir é dentro de campo. Hoje foi a melhor chance pra ele dizer adeus dos gramados e eu pude sentir o quão importante ele é para o clube. Ele quer construir algo fora do campo agora, vamos caminhar juntos. Chris é um dos nossos e ele sempre estará a nossa disposição.

Ficha Técnica:

Forest: Kapino, Darikwa, Mancienne, Fox (c), Osborn, Bouchalakis (Cash 79'), Colback, Guedioura (Bridcutt 71'), Lolley, Tomlin (Cohen 89'), Murphy

Bristol City: Fielding, Smith (c), Flint, Baker (O'Dowda 13'), Kelly, Paterson, Pack, Walsh (Pisano 63'), Bryan, Reid, Diedhiou (Brownhill 69')

Público: 24.722 (1.459 visitantes)

Comente com o Facebook: