terça-feira, 8 de maio de 2018

Hobbs e Vaughan são os primeiros a deixar o Forest; mais mudanças virão


Essa terça feira foi de anúncios de saída no Nottingham Forest. Karanka juntou o elenco em uma reunião no centro de treinamento e já informou as primeiras saídas: O volante Vaughan e o zagueiro Jack Hobbs não terão seus contratos que se encerram em julho renovados e estão livres no mercado.

Ambos os jogadores estão há quase 5 anos no clube. Hobbs chegou em 2013 depois de ser emprestado pelo Hull. Após 6 meses o Forest exerceu o direito de compra do jogador. Nunca foi questionado sua liderança e capacidade técnica, porém o alto número de lesões comprometeram o jogador que só fez 5 aparições nesta temporada. No total foram 86 partidas e um gol marcado pelo zagueiro de 29 anos com passagem no Liverpool.

Vaughan com 35 anos fez boas temporadas pelo Forest, principalmente em 2015 e 2016 quando foi figura principal no meio campo do time. Na última temporada, um problema no tornozelo o afastou bastante da equipe. Somado a isso, a chegada de Guedioura, Colback e Watson para a posição o fizeram perder mais espaço ainda. Com Karanka, o volante Galês só apareceu duas vezes na equipe. Ele fez 111 partidas pelo clube e marcou 2 gols.

Outros jogadores também foram informados que podem procurar um novo clube para jogar. É o caso de Gboly Ariyibi, que estava emprestado ao Northampton e acabou sendo devolvido antes do tempo por não estar jogando regularmente. Karanka já avisou a todos os jogadores (não foi revelado quem) quem irá permanecer e quem poderá arrumar novo clube pra jogar.

Sobre outros jogadores que estavam machucados: Fuentes, que quebrou a perna em sua estreia deverá ter seu contrato renovado e ficar, pois havia sido pedido de Karanka, porém deverá perder o início da temporada. Já o atacante Dejagah que só fez uma partida e se machucou, ainda será reavaliado, mas não deve ficar.

Dos emprestados Pantilimon, Colback, Tomlin e Dowell, o mais propenso a ficar é o goleiro Pantilimon. Colback só ficará se aceitar uma redução salarial. Já Dowell e Tomlin deverão retornar a seus clubes para jogar a Premier League.

Karanka planeja fazer entre 6 a 10 novas contratações para a nova temporada. Durante a Copa do Mundo teremos novidades.

Comente com o Facebook: