sábado, 8 de dezembro de 2018

Nottingham Forest tropeça em casa e perde lugar no G6 da Championship


O Nottingham Forest decepcionou e perdeu neste sábado em casa para o Preston pela 21ª Rodada da Championship. Com casa cheia, o time bem que tentou e martelou bastante a zaga do Preston, mas em uma bobeada, levou um gol e aí não conseguiu reverter. É a terceira derrota da equipe na Championship - a segunda em casa, o que resultou na saída do G6 do torneio, já que outros resultados da rodada não ajudaram.

Karanka precisou improvisar na zaga pois como dizíamos nas prévias, Hefele havia se machucado na última partida e era dúvida. Com a suspensão de Figueiredo e a lesão de Fox, restava apenas Dawson como zagueiro no elenco e com isso o lateral Robinson entrou na zaga, enquanto Osborn voltou ao time titular.

O começo de jogo foi somente do Forest, com chances claras de gol que foram desperdiçadas por Darikwa, Grabban, Cash e Colback. O Preston apenas se defendia, mas em um contra ataque no qual Osborn escorregou, a equipe quase abriu o placar. O primeiro tempo acabou 0x0 com uma sensação que faltou capricho para abrir o placar do lado do Forest.

Na segunda etapa, porém, algumas coisas mudaram e o Preston melhorou na partida. Aos 9 minutos de jogo em uma cobrança de escanteio mal executada na primeira trave, o jogador do Preston conseguiu dominar quase dentro da pequena área e cruzar rasteiro para que Moult completasse, abrindo o placar.

Daí em diante, Karanka tentou abrir a equipe, colocando Murphy no lugar de Colback, mas o time continuava a desperdiçar chances criadas, dessa vez mais na base do chuveirinho na área. Depois do gol, o Preston só teve uma única oportunidade, aproveitou para estacionar o ônibus na zaga e levou os três pontos.

Palavra do técnico:

- Eu acho que a única coisa que perdemos hoje foram gols. Jogamos bem no primeiro tempo e deveríamos estar liderando com dois ou três gols de vantagem pelo menos. Potencialmente até quatro gols ou cinco no final se convertêssemos todas as oportunidades.

- No segundo tempo não jogamos tão bem, especialmente quando tivemos Lewis e Murphy na frente. Começamos a esticar muita bola e não conseguíamos ler o jogo da maneira correta. Sabemos que na Championship você é punido por cada erro que comete. Tivemos que defender e manter a consistência por 95 minutos por que senão você sofre uma derrota como tivemos hoje.

- Achei que seria a melhor opção ter Robinson jogando como zagueiro, pois já executou essa função algumas vezes. E Osborn também já jogou como lateral antes, então foi a opção mais correta. Infelizmente não conseguimos marcar. Temos um estilo particular de jogo, mas a partir do momento que começarmos a esticar bolas, não vai funcionar.

Projeção:

A derrota foi muito sentida, pois além de sair do G6 com os resultados da rodada (vitória do Derby e do Sheffield United), o Forest ainda precisa recuperar os pontos na próxima rodada, quando vai para Derby enfrentar seu maior rival, fora de casa, em jogo que ocorre apenas na segunda feira.

Com a derrota, o time perdeu aquela gordurinha de 3 pontos que estávamos projetando para os 76 pontos na tabela, portanto é preciso vencer esse jogo. Além disso, é torcer para que a zaga seja recuperada e que o time não vá para o próximo jogo com esses desfalques.

Comente com o Facebook: