sábado, 12 de janeiro de 2019

O Robin Hood ataca novamente: Reading 2x0 Forest


Se o problema era o técnico...alguma coisa deu errada. Jogando sem Karanka pela primeira vez, o Forest fez uma partida fraquíssima e conseguiu perder para o Reading, penúltimo colocado na tabela. A partida teve algumas mudanças no time, entre elas o esquema tático. Saiu o famoso 4-2-3-1 e entrou um 4-4-2 mais tradicional.

No time, Murphy e Lolley fizeram a dupla de ataque, enquanto Osborn e Cash faziam a armação. João Carvalho, meia português, foi para o banco. Também tivemos outra partida com a zaga improvisada. Dessa vez, Yacob jogou na zaga ao lado de Fox, assim como contra o Chelsea, já que o time possui 3 zagueiros machucados no momento.

O primeiro tempo foi em ritmo de amistoso e o Forest não produziu nada. O gol do Reading saiu aos 23 do primeiro tempo com Swift após cruzamento rasteiro na área. A maior chance do Forest no primeiro tempo foi com uma boa jogada individual de Osborn, que exigiu boa defesa do goleiro do Reading.

Na segunda etapa nenhuma alteração foi feita de prontidão e o time continuou dormindo. O Reading mantinha a posse de bola e as melhores chances, enquanto o Forest com muita dificuldade e muita preguiça não fazia um bom jogo. Individualmente, Lolley tentava praticamente sozinho algumas jogadas individuais, mas que não levavam grande perigo.

Com 20 minutos do segundo tempo, uma entrada dura de Murphy e o tempo fechou. Na confusão, diversos jogadores levaram amarelo, inclusive Fox, que já tinha levado um e foi expulso, piorando ainda mais a situação do Forest. Agora para as próximas partidas, caso ninguém retorne, o Forest não terá nenhum zagueiro a disposição para o próximo jogo.

A primeira alteração foi realizada com Grabban entrando no lugar de Murphy e na sequência, Diogo Gonçalves ressurgiu no time no lugar de Lolley, que vinha sendo o único que tentava algo. O Forest chegou a ter um gol anulado feito por Osborn em um dos poucos lances de perigo do time no segundo tempo.

Com um a mais, o Reading pressionou ainda mais e o Forest nada pôde fazer se no 11 contra 11 já estava difícil. Ainda deu tempo para Darikwa levar cartão vermelho direto após falta dura aos 38 do segundo tempo. No fim do jogo, Ryan Yates, volante da base que voltou de empréstimo do Luton Town, entrou no lugar de Guedioura apenas para cumprir o direito a última alteração.

No finzinho do jogo, Robinson completou com chave de ouro fazendo um gol contra num lance em que estava sozinho na pequena área após cruzamento rasteiro e ampliando para o Reading. A pior partida da temporada do Forest. Se Marinakis manter a postura com o discurso de "Premier League ou nada", muitas demissões começarão a acontecer agora.

Com a derrota, o Forest perdeu a chance de diminuir a distância do G6 para um ponto com a derrota do Derby e pra piorar, ainda foi ultrapassado na tabela. Ou seja, com a saída de Karanka, além do time entrar em crise, ainda se distanciou da zona de playoffs.

Palavra do interino:

- Gostaria de me desculpar com os torcedores. Eles viajaram bastante e gastaram um bom dinheiro para estar aqui. As expulsões foram um pouco duras e os jogadores fizeram besteiras que normalmente não fazem também.

- Fox e Darikwa pediram desculpas a nós e aos jogadores. Isso mostra o caráter deles. Danny não precisava estar no meio da confusão pelo cartão amarelo. Darikwa talvez eu daria um amarelo, mas não dá pra voltar atrás.

- Sabíamos como eles iam jogar. Eles melhoraram, o novo técnico chegou e melhorou o time. Eu acho que faltou ficarmos calmos. Tivemos chances nos dois tempos, mesmo quando estávamos com 10 em campo.

Resta saber agora quando o novo técnico será anunciado (provavelmente essa semana) e se ele poderá fazer algum milagre diferente do que Karanka vinha fazendo. Com a zaga atual o time não conseguirá ir longe se o ataque nao estiver em dias inspirados e o time vai perdendo força para brigar nos playoffs. Tempo para trabalho ele não terá com Marinakis a frente do time exigindo mais do que pode oferecer com a qualidade dos jogadores.

O Forest volta a campo nos dois próximos sábados em duas partidas dentro de casa contra Bristol e Wigan muito provavelmente com a estreia do novo tecnico.



Comente com o Facebook: