sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Prévia: Nottingham Forest x Bristol City - Championship 28ª Rodada


Começou a fase da Championship que podemos falar: É tudo ou nada. Martin O'Neil irá estrear neste sábado no banco do Forest com todos os ingressos vendidos para a partida contra o Bristol City. Apesar de um clima de festa devido a volta do ídolo, O'Neil terá muitos problemas para escalar a equipe. E todos os problemas ficam no setor defensivo.

Para começar, Hefele, Figueiredo e Dawson continuam machucados. Figueiredo tem voltado a treinar, mas sua presença é incerta. Darikwa foi expulso direto no último jogo e fica três partidas fora. Fox também expulso na última partida, cumpre um jogo de suspensão. Ou seja, se o recém chegado Benalouane não for para o jogo, não há zagueiros disponíveis e provavelmente Yacob e Robinson deverão ser improvisados. Para piorar, Robinson está pendurado e se levar mais um amarelo, fica fora da próxima partida também.

Diante de todas essas incertezas, esboçamos uma provável defesa com Janko, Benalouane, Yacob e Robinson ou colocando Osborn na lateral esquerda, deslocando Robinson para a zaga e passando Yacob para sua posição de origem no meio campo. São as duas possíveis formações para amanhã. Já do meio pra frente não há problemas e aí O'Neil poderá escalar conforme achar melhor. Resta saber se o 4-2-3-1 de Karanka e de todos os outros técnicos será mantido, ou se teremos alguma mudança.

Na coletiva de apresentação, O'Neil declarou:

- Os jogadores estão prontos para o desafio. Eu dei apenas dois treinos, mas há um grande espírito entre os jogadores. Temos muitos problemas como suspensões e lesões, mas não posso me importar com isso. Precisamos entrar com o melhor time possível e tentar fazer o máximo já para esse jogo.

Além de O'Neil, tivemos a coletiva do zagueiro recém chegado Yohan Belanouane, que assinou por 1 ano e meio com o clube:



- Falei com Martin antes e ele é realmente um cara ótimo. Ele é um cara que sabe o que quer, isso é importante e é uma honra estar aqui com ele. É um ídolo e uma personalidade, todos conhecem ele, mal posso esperar para começar pois vou aprender muito com ele.

- Estou muito feliz em estar aqui. É um grande clube com uma grande história, então estou orgulhoso de estar aqui. Com otimismo, podemos fazer algo importante aqui. Sei da grandeza do clube, do tamanho da torcida e estou otimista para conquistar algo. 

- A liga é dura, será importante conseguir resultados a partir de agora para chegarmos no fim da temporada no objetivo. Com o novo técnico, espero alcançar os objetivos. Estou na Inglaterra há quatro anos, participei de muitos jogos, conheço o país. Sei da mentalidade das equipes. A comunicação é fundamental e a oportunidade de estar aqui como disse antes é ótima.

Do lado adversário, o Bristol City ultrapassou o Forest na tabela na última rodada e agora com 41 pontos, está 2 a frente, em 7º lugar. O Bristol tem um time bastante rápido e chegou a brigar pelo acesso na temporada passada. Neste ano, começaram abaixo, mas já se recuperaram. Não existe jogo fácil na Championship e esse não deverá ser diferente.

No retrospecto entre as equipes a vantagem é larga para o Forest: São 39 vitórias do Forest, 19 do Bristol e 32 empates. Os times se enfrentaram logo na primeira rodada nesta temporada e empataram por 1x1.

Em nossa projeção traçada no início da temporada, o Forest precisaria de 76 pontos para beliscar um lugar no G6. Com 39 pontos até o momento, o time precisa de 37 pra alcançar o objetivo.

Comente com o Facebook: